Connect with us

Dicas de Revenda

O que são clientes internos e clientes externos?

Você sabe o que são clientes internos e externos e as diferenças entre eles?

Published

on

Um dos principais pilares para o sucesso de uma loja é, sem dúvida, o público-alvo. No entanto, o que muitos empreendedores que acabaram de entrar no ramo do varejo ainda não sabem é que há dois grupos de consumidores: os clientes internos e os externos.

Ambos são essenciais para uma empresa, ajudam a solidificar uma marca no mercado, oferecem feedbacks sobre os seus serviços ou produtos ofertados e, consequentemente, são o caminho ideal para quem deseja vender mais. Mas a grande questão é: você conhece a diferença entre eles? Acompanhe.

O que são os clientes internos?

Se você tem uma loja de acessórios e ainda não sabe a diferença entre os clientes internos e externos, é melhor ficar atenta! Apesar de ambos serem importantes para as vendas, cada um necessita de um tipo de tratamento.

Para começar, explicamos: os clientes internos são aqueles que fazem parte do dia a dia de uma organização. São os seus vendedores, estoquistas, gerente ou, até mesmo, as pessoas responsáveis pela limpeza da loja. Apesar de vistos como funcionários, esses indivíduos contribuem com a mão de obra para o bom desempenho da empresa.

Mesmo que esses indivíduos não consumam os produtos da sua loja, o relacionamento com eles deve ser priorizado. Isso porque, um profissional que não se relaciona bem com os seus colegas de equipe ou apresenta dificuldades em fazer boas vendas pode causar prejuízos para o seu bolso.

Portanto, para que a sua empresa colha bons frutos, não deixe de investir no treinamento de equipe e promover o bom relacionamento entre os clientes internos. Não sabe como manter os seus funcionários motivados? A gente listou algumas dicas:

  • Ofereça comissões aos vendedores;
  • Disponibilize oportunidades de crescimento dentro da loja;
  • Faça reuniões periódicas com a sua equipe;
  • Conceda treinamentos para que os funcionários trabalhem cada vez melhor;
  • Proponha um horário de trabalho flexível;
  • Escute e procure entender as necessidades dos profissionais.

O que são clientes externos?

Já os clientes externos são aqueles que mantêm a loja financeiramente ativa, sem participar da organização — são eles que entram no seu estabelecimento e adquirem os produtos oferecidos pela mão de obra. Esse tipo de cliente é fundamental para o crescimento de qualquer negócio, principalmente para as lojas que atuam no segmento de varejo.

Para agradar esse público, é preciso ter cuidado redobrado. Além de trabalhar com acessórios de qualidade, os seus funcionários devem prestar um atendimento de primeira. Quando satisfeitos, os clientes externos tendem a retornar à loja, aumentando, assim, as suas chances de fidelizar um consumidor e consolidar a sua autoridade no mercado.

E quem se preocupa em vender bem já deve ter se perguntando “o que posso fazer para encantar o público e me destacar da concorrência?”. A seguir, listamos alguns passos que farão toda a diferença no desempenho da sua empresa.

1. Conheça o valor do cliente

Muitos empreendedores cometem o grave erro de enxergar o cliente como um mero cifrão ($). Não seja um deles! Atualmente, antes de comprar produtos de qualidade, as pessoas buscam por locais que ofereçam uma excelente experiência de compra. Por essa razão, mostre que o seu cliente tem muito valor: mande mensagens em datas comemorativas, peça feedbacks e, se possível, disponibilize ofertas especiais aos consumidores fiéis.

2. Resolva os problemas rapidamente

O cliente viveu uma experiência desagradável na sua loja? Então, procure consertar a situação o mais rápido possível. Por exemplo: se alguém comprou uma bolsa com defeito e fez uma reclamação, ofereça uma solução imediata para reconquistar a confiança do consumidor. Caso o defeito seja de fabricação, troque o acessório. A pessoa utilizou a peça de forma errada? Ensine o modo correto. Esse cuidado fará com que o cliente se sinta sempre confortável para voltar a fazer negócio com você.

3. Inove o seu estoque

O público gosta de ser surpreendido. Pensando nisso, nada melhor do que apostar em itens que estejam de acordo com as últimas tendências do mercado. Faça diferente da concorrência e leve para a sua loja peças exclusivas e com alta procura. Uma maneira de cumprir essa meta é firmando parcerias com fornecedores de confiança e renomados no seu segmento.

De um modo ou de outro, tanto os clientes internos quanto os externos são importantes para uma empresa. Trate os dois grupos da melhor maneira e, sempre que possível, desenvolva métodos específicos para diferenciar o atendimento.

Quer saber mais sobre como alavancar as vendas da sua loja? Aprenda a fidelizar um cliente e, se tiver alguma dúvida, escreva pra gente pelos comentários. Até a próxima! 

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dicas

Invista nas tendências do ano e atraia clientes

Published

on

A moda é como um organismo vivo e vive em constante transformação. Com o desenvolvimento da internet e das redes sociais, essa constante mudança, que já era frequente, agora tomou proporções globais e qualquer pessoa pode consultar o que há de mais moderno no momento com apenas um clique. Diante disso, você e o seu negócio
devem acompanhar as tendências e inovações do mercado para que as suas chances de prospectar novos clientes sejam ainda maiores e melhores! Uma loja que traz referências internacionais e aplicada elas em seus produtos, tem muito mais chances de fechar compras do que um estabelecimento que não está antenado com o que acontece no mundo.

Pensando nisso, preparamos esse texto com algumas das principais #trends que precisam estar dentro da sua loja para a moda outono/inverno.

1. Tons Alaranjados
Todos os anos a Pantone elege a cor do ano. A escolhida para 2019 foi a “Living Coral” um laranja rosado que lembra a cor de um salmão. A Living Coral irradia familiaridade e vida e tem forte ligação com o oceano e suas
riquezas. Para a diretora-executiva do Pantone Color Institute, Leatrice Eiseman, trata-se de uma tonalidade que projeta uma conexão social maior entre as pessoas em meio a um mundo tecnológico e individualista. “A cor é uma lente equalizadora por meio da qual vivenciamos nossas realidades naturais e digitais. Isso é
particularmente verdadeiro para a Living Coral”, opina.

2. Tons Terrosos
Ainda na mesma linha dos tons alaranjados, os tons mais escuros ganham grande destaque nesse meio de ano gelado. Amarelo mostarda, marrom claro, verde militar, nude, cinza e off white são cores aclamadíssimas nas principais vitrines, presentes em não só em roupas como também em acessórios.

3. Bolsas Transparentes
Aquela ideia de que bolsa só serve para guardar ou acumular coisas já foi esquecida há muito tempo! Agora o que há de mais #fashion é fazer da bolsa uma peça chave para a composição de um look street style. O minimalismo e o design mais clean são características fortíssimas dessa tendência!

4. Animal Print
As estampas #animalprint vieram carregadas nas coleções de inverno esse ano, tanto aqui no Brasil como nas passarelas mundiais. As tendências giram em torno de estampas de onça, cobra e zebra, variando em estampas em caramelo e brancas.

5. Pochetes
Circulando desde os anos 80 pelas ruas, a pochete volta com força e ditando outras derivações que vão desde modelos em preto, até estampados com animal print, quadriculado, neon e até paetê! Esse acessório é o que falta para quebrar aquele look formal com um toque despojado e super estiloso.

6. Bolsas com Franjas
Bolsas de franja estão com tudo e remetem a tendência western, que compõe looks inspirados no Velho Oeste, famosos em filmes norte-americanos. Além do acessório, a moda está presente em jaquetas, brincos e peças de roupa. Elas também se adequam na onda dos tons terrosos, com itens escuros em tons de marrom e nude.

Continue Reading

Dicas de Revenda

Dicas básicas para montar uma loja de bolsas femininas de sucesso

Published

on

O público feminino é uma grande parcela de possíveis compradores de bolsas e acessórios. As mulheres são consumidoras natas e investir no mercado de moda é uma aposta que pode gerar bastante dinheiro. Montar uma loja de acessórios pode ser um negócio lucrativo apesar da grande concorrência de mercado, porém o necessário para abrir qualquer novo empreendimento é um plano de negócios.

O plano de negócios te ajuda a visualizar as possibilidades e os seus desafios, assim como as áreas que requerem mais atenção e investimento. É necessário que você tenha planejado e organizado tudo nos mínimos detalhes para aumentar as suas chances de sucesso, porque em qualquer negócio imprevistos acontecem, e você precisa estar preparado para suprir as demandas.

Escolher seu público alvo é de extrema importância, por isso se você optar por abrir uma boutique que é uma loja de venda de produtos específicos como bolsas, saiba que você pode alcançar um público mais requintado e com maior poder aquisitivo.

O ramo de bolsas é bem abrangente e pode atingir um público com diversas faixas etárias, porém o público feminino é bem exigente e necessita de variedade e novidades constantes, é necessário estar preparado para atender a demanda.

O local onde será aberta a loja também está nas principais coisas que você precisa analisar antes de iniciar um novo negócio. O ideal é escolher um lugar movimentado que tenha outras lojas que vendem para o mesmo público alvo que você, assim mesmo que a sua marca não seja tão conhecida você acaba fazendo contatos e mostrando aos consumidores seus produtos.

A gestão de uma loja de acessórios pode ser feita de duas formas: você pode vender produtos de apenas uma marca ou de várias marcas. É necessário avaliar a localização e o poder aquisitivo dos seus futuros clientes para fazer uma compra adequada, e também ficar ligado nas tendências de moda e os produtos desejos que são lançados nas novelas e redes sociais, e também conhecer seu produto é essencial para ter argumentos de venda.

Uma das áreas de maior investimento é o marketing e a divulgação de uma loja, fazer a sua marca ser conhecida é primordial para vender mais. Atualmente o marketing digital e as redes sociais, e vendas por instagram e whatsapp é o que geram mais vendas. Criar um conteúdo para as redes sociais é bem importante, com qualidade e informação de moda agregando seu produto nas tendências atuais e adquirindo seguidores.

A divulgação constante é essencial através de várias ferramentas como email, redes sociais e mensagens. Deixar o cliente sempre informado das novidades e promoções é cada vez mais necessário em um ambiente onde os consumidores querem cada vez mais coisas novas a todo o momento. O desafio é grande mas nada que um bom planejamento de negócios para te ajudar a tirar os seus planos do papel.

 

 

Continue Reading

Dicas

Carnaval: Como manter as vendas dos seus negócios

Published

on

Uma das principais dicas para vender mais no carnaval é entrar no clima de festa e ganhar a atenção do seu cliente para que ele venha comprar na sua loja, para alavancar as vendas, invista em estratégias de marketing e vendas temáticas. Faça uma preparação prévia com o tema que reflita a identidade da data, com e-mails especiais, banners e redes sociais. Faça um planejamento antecipado pois a maioria dos clientes podem estar de férias, então certifique-se de eles receberão todas as novidades.
Uma possibilidade é a criação de produtos temáticos e personalizados com o tema do carnaval, e para atrair os consumidores ainda mais é interessante criar promoções, cupons de desconto ou até frete grátis, todos relacionados com o evento. O início do ano já é uma época conhecida de baixa no comércio, conhecer o seu público alvo é sempre importante assim como entender o comportamento dos seus consumidores, esses serão seus aliados na hora de criar conteúdo que pode gerar vendas.
Fazer uma pesquisa sobre o produto mais vendido nessa época em anos anteriores é importante porque você pode deixar essas peças em destaque para que ela fique mais visível e mais fácil de comprar. Os descontos devem ser aplicados naqueles produtos sazonais, que só vendem em determinadas épocas do ano, como peças de verão, para queimar o seu estoque, é a hora de aproveitar e vender esses produtos de época.
Caso você tenha peças que em sua loja que poderão ser compradas para serem usadas no carnaval certifique-se que elas realmente chegarão a tempo, esse será mais um recurso para fidelizar o seu cliente, garantindo que a compra chegue exatamente quando ele espera. E tenha uma carta na manga para aproveitar essa data comemorativa e conquistar os clientes recém adquiridos, como por exemplo um cupom de desconto específico para quem comprou nessa data e pode usar até uma data limite estipulada, assim você consegue também atrair esse público para a volta as aulas.
A área de marketing que é encarregada da divulgação deve estar a atenta e produzir materiais relacionados a data comemorativa, assim como as redes sociais também precisam estar prontas para o tema, mesmo que a sua loja não venda produtos que podem ser usados especificamente no carnaval. As redes sociais são sempre grandes aliadas quando o assunto é divulgação para as grandes massas. Estar conectado as tendências e palavras chaves e mais buscadas das redes é primordial para saber o que está acontecendo e qual caminho seguir. A sua loja precisa estar inserida em tudo que está acontecendo, ligada ao que todos estão comentando, assim fica mais fácil criar engajamento e identificação com a sua marca, e ela sempre será lembrada mesmo em outras épocas.

Continue Reading

Trends Tops

Biroshop | BRW MODAS LTDA - EPP | Rua Julio Ribeiro, 243 Loja 515 - CEP: 03010-030 | São Paulo - SP Brasil | CNPJ:17.235.967/0001-55